Sunday, April 29, 2018

O novo Arcebispo de Mariana: postura, reações e o dever de enfrentar o “apostolado” comunista.


Bruno Braga.
Notas publicadas no Facebook.

I.
Os mineiros ainda pouco sabem a respeito de Dom Airton José dos Santos. Porém, uma postura louvável – pelo menos uma – o novo Arcebispo da Arquidiocese de Mariana tem no seu currículo. Dom Airton assinou – então como Secretário Geral da Regional Sul 1 da CNBB – uma nota que acolhia e recomendava a ampla divulgação do “APELO A TODOS OS BRASILEIROS E BRASILEIRAS” (cf. imagens).
Para os que não se lembram, o “apelo” foi um informativo com o propósito de esclarecer os católicos sobre o compromisso do PT e da sua então candidata Dilma Rousseff com o ABORTO – com o assassinato de crianças inocentes. Ele sugeria, nas eleições de 2010, “o voto somente a candidatos ou candidatas e partidos políticos contrários à descriminalização do aborto”.
O informativo – perfeitamente legítimo - enfureceu o PT, que não só designou a sua militância para intimidar a gráfica responsável pela impressão, mas fez o Presidente da República – Lula, o bandido agora preso – a mobilizar inclusive a Polícia Federal. Enfureceu até a matriz da CNBB – Conferência dos Bispos.
Rezemos para que Dom Airton José dos Santos conserve a mesma postura na Arquidiocese de Mariana. Uma Arquidiocese infestada pelo “apostolado” da Teologia da Libertação e pela militância comuno-petista – sob a liderança principalmente do deputado federal padre João. Uma horda que tomou de assalto a Santa Igreja Católica para traí-La e promover o criminoso esquema de poder comunista, e que prega sem a menor vergonha o aborto [1].
II.
Na última nota, ressaltei a postura louvável de Dom Airton José dos Santos – o novo Arcebispo da Arquidiocese de Mariana –, que nas eleições de 2010 assinou com outros Bispos um informativo que alertava os católicos sobre o compromisso do PT e da sua então candidata - Dilma Rousseff - com o aborto – com o assassinato em massa de crianças inocentes. Os petistas, o na época Presidente Lula, a matriz da CNBB – que era presidida por Dom Geraldo Lyrio Rocha, que deixa agora Mariana para Dom Airton - todos ficaram furiosos com o zelo legítimo dos pastores para com o seu rebanho [2].
Mas veja quem mais se revoltou... Ora, ora... Dom Angélico Sândalo Bernardino! Ele denunciou o “uso eleitoreiro do aborto”! [3]. O mesmo Dom Agélico, o “apóstolo” da Teologia da Libertação que celebrou recentemente um ritual comunista de caráter satânico para idolatrar o bandido Lula [4].
Bom, a julgar pelos críticos, parece que dá para alimentar boas expectativas quanto a Dom Airton, o novo Arcebispo de Mariana.
III.
Tornou-se praticamente um método de prova: se um comunista reclama e denuncia, existe uma grande chance de tratar-se do contrário - pode ser sinal de que existe algo de bom ali. E é assim que a publicação do famoso “padre” Julio Lancellotti pode ser compreendida.
Diante da nomeação de Dom Airton José dos Santos como novo Arcebispo da Arquidiocese de Mariana, Lancellotti invocou a intercessão de Dom Luciano Mendes de Almeida – falecido Arcebispo da Arquidiocese e um dos “ícones” da Teologia da Libertação que hoje se tenta canonizar (cf. imagem).
Julio Lancellotti, o comunista “apóstolo” da nefasta teologia revolucionária. Ele, que já foi acusado de pedofilia e abuso sexual. E, que coincidência - quanta coincidência... Lancellotti teve como defensor o eminente advogado do PT: Luiz Eduardo Greenhalgh. Acusações nunca totalmente esclarecidas. Eis Julio Lancellotti, o pregador da ideologia de gênero LGBT-gayzista que comparou Jesus Cristo com um delinquente Black Bloc, e que foi ao Sindicato dos Metalúrgicos “abençoar” Lula horas antes de o bandido ter sido preso (cf. imagem).
Por conta dos críticos, as expectativas sobre Dom Airton crescem... boas expectativas, claro.
IV.
Enquanto Dom Airton José dos Santos não assume a Arquidiocese de Mariana... O “padre do PT” permanece enganando os católicos da circunscrição com o seu “apostolado” da Teologia da Libertação. Ele utiliza descaradamente a Arquidiocese para promover a sua reeleição e a candidatura de seus aliados, e ainda faz campanha pela liberdade do bandido Lula. 
O deputado federal João trai a Santa Igreja Católica e se coloca sem a menor vergonha a serviço do criminoso esquema de poder comunista. Um mal que – por zelo pastoral, para a proteção do seu rebanho – Dom Airton terá o dever de enfrentar.
REFERÊNCIAS.
[1]. Cf. “Laicato? A Arquidiocese de Mariana e a radicalização comuno-CNBBista contra os leigos e contra a Santa Igreja Católica” [http://b-braga.blogspot.com.br/2018/03/laicato-arquidiocese-de-mariana-e.html].
[4]. Cf. “O ritual comunista e o caráter satânico da idolatria a Lula” [http://b-braga.blogspot.com.br/2018/04/o-ritual-comunista-e-o-carater-satanico.html].
ARTIGOS RECOMENDADOS.
BRAGA, Bruno. “Estarrecedor: Arquidiocese de Mariana fomenta militância comunista e eleitoral” [http://b-braga.blogspot.com.br/2018/03/estarrecedor-arquidiocese-de-mariana.html].
______. “Laicato? A Arquidiocese de Mariana e a radicalização comuno-CNBBista contra os leigos e contra a Santa Igreja Católica” [http://b-braga.blogspot.com.br/2018/03/laicato-arquidiocese-de-mariana-e.html].

No comments: