Thursday, April 12, 2018

O ritual comunista e o caráter satânico da idolatria a Lula.


Bruno Braga.
Notas publicadas no Facebook.

I.
No ritual comunista, Dom Angélico honrou o seu próprio nome. Falou como um autêntico anjo. Ele disse que adora ouvir a palavra “resistência”; afirmou que Dilma – despachante do Foro de São Paulo – continua sendo Presidente do Brasil; sentenciou: não existem provas contra o bandido Lula; instigou e agitou a militância para ocupar ruas e praças; denunciou que o que está acontecendo no país é um “golpe”. Dom Angélico falou como um autêntico anjo. O anjo decaído, que é o pai da mentira.


II.
Em nota anterior, tratei – a partir de um vídeo com um discurso de Lula, publicado após a tentativa frustrada junto ao STF para evitar a sua prisão – da “origem” e dos “efeitos” do Comunismo [1].
Nesta aqui, tomo um trecho do discurso de Lula no macabro ritual comunista que foi conduzido por Dom Angélico Sândalo Bernardino e por um séquito de cúmplices travestidos de “padre” no último sábado (07). Um ritual realizado para idolatrar o bandido que estava na iminência de ser preso. As palavras foram bem semelhantes às do primeiro discurso, dando unidade e agitando a militância presente na celebração blasfêmica e atraindo a atenção do público em geral:
“Eu não vou parar porque não sou ser humano, SOU UMA IDEIA e estou com você” [...] “E quero fazer aqui uma transferência de responsabilidade: eles acham que o problema deles é só o Lula. Eles vão descobrir que o problema são todos vocês. MINHAS IDEIAS JÁ ESTÃO PAIRANDO NO AR e não tem como prendê-las”.
Com relação ao primeiro discurso, eu disse que não se tratava ali apenas de uma pessoa – Lula -, de um partido – o PT -, ou de uma organização criminosa – o Foro de São Paulo -, mas de afirmar: “O meu nome é Legião” (Mc. 5, 9). Sobre o discurso citado acima, digo o mesmo; porém, recorro à Carta de São Paulo aos Efésios: “Irmãos, fortalecer-vos no Senhor, pelo seu soberano poder. Revesti-vos da armadura de Deus para que possais resistir às CILADAS DO DEMÔNIO. Pois não é contra homens de carne e sangue que temos de lutar, mas contra os principados e potestades, contra os príncipes deste mundo tenebroso, contra as forças espirituais ESPALHADAS NOS ARES” (6, 10-12).
As tais “ideias que estão pairando no ar” não se sustentariam sem “as forças espirituais espalhadas nos ares”. O resultado disso está aí para qualquer um ver. O ritual macabro conduzido pelos “apóstolos” da Teologia da Libertação foi a celebração dessas “ideias”, a idolatria de um bandido e a atualização de um pacto para a construção de um Império do Crime. Foi a expressão mais evidente dos “erros” sobre os quais Nossa Senhora quis nos prevenir em Fátima. Não parece ter sido por acaso que tenha sido realizado no primeiro sábado do mês, sábado dedicado ao Imaculado Coração de Maria, uma devoção que a Mãe de Deus nos pediu no mesmo momento em que nos alertava sobre o perigo de a Rússia espalhar os seus “erros” pelo mundo. Eles realmente se espalharam, e é da Boca de Lula que sai o anúncio. É ela que expressa a “origem” e os “efeitos” do Comunismo, e o seu caráter eminentemente satânico.  
III.
No ritual comunista realizado por Dom Angélico, as pessoas se escandalizaram com a faixa da “Marcha Mundial das Mulheres” sobre o “altar” montado para a idolatria de um bandido. Sim, é realmente infame. Porém, a questão não é apenas a de uma bandeira abortista que contraria os princípios e as determinações da Santa Igreja Católica [3]. Trata-se de pessoas e movimentos, agentes e grupos políticos que exibem publicamente o seu compromisso com a morte. É a exposição direta de um ideal de poder que se faz e se sustenta com o sacrifício de crianças inocentes – e está ai exposto mais uma vez o caráter eminentemente satânico do ritual comunista celebrado pelos “apóstolos” da Teologia da Libertação.
IV.
O ritual comunista conduzido por Dom Angélico tentou colocar Lula como o próprio Cristo. No entanto, o caráter notadamente de inversão do ritual – sinal próprio do que é satânico – acabou deixando à mostra a semelhança do “Barba” com Barrabás. Diante dos que se autoproclamam “o povo” e reivindicam um “Reino” contrário ao de Jesus – o “Paraíso na Terra” que é propriamente o Império Comunista do Crime – a “Verdade” foi substituída por um discurso fiel ao “Pai da Mentira”, e poucos dias após a Páscoa, o Cristo Ressuscitado, que deveria ser o centro de uma celebração conduzida por um “bispo” da Santa Igreja Católica, foi abandonado, crucificado, para que se fizesse a idolatria do eminente “salteador”. Leia, o texto bíblico deixa mais uma vez em evidência o caráter satânico do ritual comunista celebrado no Sindicato dos Metalúrgicos:
“’És tu o rei dos judeus?’ Jesus respondeu: ‘Dizes isso por ti mesmo, ou foram outros que to disseram de mim?’ Disse Pilatos: ‘Acaso sou eu judeu? A TUA NAÇÃO e os sumos sacerdotes entregaram-te a mim. Que fizeste?’ Respondeu Jesus: ‘O MEU REINO NÃO É DESTE MUNDO. Se o meu Reino fosse deste mundo, os meus súditos certamente teriam pelejado para que eu não fosse entregue aos judeus. MAS O MEU REINO NÃO É DESTE MUNDO’. Perguntou-lhe então Pilatos: ‘És, portanto, rei?’ Respondeu Jesus: ‘Sim, eu sou rei. É PARA DAR TESTEMUNHO DA VERDADE QUE NASCI E VIM AO MUNDO. TODO O QUE É DA VERDADE OUVE A MINHA VOZ’. Disse-lhe Pilatos: ‘Que é a verdade?...’
“Falando isso, saiu de novo, foi ter com os judeus e disse-lhes: ‘NÃO ACHO NELE CRIME ALGUM. Mas é costume entre vós que pela PÁSCOA vos solte um preso. Quereis, pois, que vos solte o rei dos judeus?’ Então TODOS GRITARAM novamente e disseram: ‘NÃO! A este não! Mas a BARRABÁS!’ (BARRABÁS ERA UM SALTEADOR).” (Jo. 18, 33-40).     
V.
Eu queria saber se – após o macabro ritual comunista para idolatrar Lula – se vai aparecer algum Bispo na TV para dizer que Dom Angélico e os seus sectários travestidos de padres estão excomungados. E aí, padre Joãozinho, eles são “protestantes marxistas disfarçados de cristãos”, “lobos em pele de ovelha”? E a CNBB, não vai publicar uma “nota”? Os CNBBistas vão ficar quietinhos? Não vão falar nada sobre “divisão” frente a um ato público de traição contra a Santa Igreja Católica? Vão ficar quietinhos diante do insulto ao vivo proferido contra o próprio Cristo? E ofensa contra a Sua Santíssima Mãe, ofensa justamente no dia dedicado ao seu Imaculado Coração?
VI.
MANIFESTE A SUA INDIGNAÇÃO CONTRA O RITUAL SATÂNICO REALIZADO PARA IDOLATRAR O BANDIDO COMUNISTA:
“Repúdio à celebração presidida por Dom Angélico Sândalo Bernardino de apoio ao criminoso Luís Inácio Lula da Silva”.
ASSINE e COMPARTILHE.
REFERÊNCIAS.
[2]. Idem.

No comments: