Sunday, August 25, 2013

Notas II. MÉDICOS CUBANOS. PT - Ditadura Castro - e o projeto Socialista-Comunista latino-americano.

Bruno Braga.


I.



O empenho do Ministro da Saúde para trazer médicos cubanos para o Brasil.

Em 2011, Alexandre Padilha visitou a ELAM – Escola Latino-Americana de Medicina – em Cuba (Foto). Ele se comprometeu a FACILITAR a revalidação dos diplomas obtidos na ilha dos ditadores Castro – o índice de reprovação dos estudantes cubanos, que afere conhecimentos básicos, é monstruoso! - para que os profissionais pudessem exercer a medicina no Brasil (Ver. http://portalsaude.saude.gov.br/portalsaude/index.cfm/?portal=pagina.visualizarNoticia&codConteudo=2485&codModuloArea=162&chamada=acordo-facilita-revalidacao-de-diplomas-medicos-no-brasil).

Agora, em 2013, o Ministro da Saúde – e o governo PETISTA-SOCIALISTA-COMUNISTA – fez mais. O Brasil “importará” médicos cubanos, e os profissionais – ou agentes ou militantes – atuarão nas periferias do país sem terem passado por qualquer tipo de exame que ateste a competência deles. 


Nota publicada no Facebook em 24 de Agosto de 2013.


II.


MÉDICOS CUBANOS. O projeto PETISTA-SOCIALISTA-COMUNISTA.

No IV Congresso Nacional do PT, realizado em Brasília-DF – entre os dias 02 e 04 de Setembro de 2011 – o partido aprovou uma Moção de “Apoio aos médicos formados em Cuba”: “O 4º Congresso Nacional Extraordinário do PT apoia a luta dos médicos formados em Cuba pela REVALIDAÇÃO de seus diplomas” [...] (Moção 8, Cf. Doc. [http://www.pt.org.br/arquivos/CONJUNTO_DE_MOCOES_4_CONGRESSO_EXTRAORDINARIO.doc]).



Não demorou muito, o Ministro da Saúde, Alexandre Padilha – que marcou presença no congresso petista (Ver foto) - já estava em Cuba. No dia 23 de Setembro de 2011 ele se comprometeu a FACILITAR a revalidação dos diplomas de medicina obtidos na ilha dos ditadores Castro (Cf. [http://portalsaude.saude.gov.br/portalsaude/index.cfm/?portal=pagina.visualizarNoticia&codConteudo=2485&codModuloArea=162&chamada=acordo-facilita-revalidacao-de-diplomas-medicos-no-brasil]).

Em 2013, no entanto, o governo PETISTA-SOCIALISTA-COMUNISTA obteve mais FACILIDADES para os médicos – ou agentes ou militantes - cubanos. Utilizando o artifício da Medida Provisória, eles exercerão a atividade no Brasil sem a necessidade de se submeterem ao exame de revalidação dos diplomas. 


Nota publicada no Facebook em 25 de Agosto de 2013.


LEITURA RECOMENDADA.

BRAGA, Bruno. “Notas. MÉDICOS CUBANOS. PT – Ditadura Castro – e o projeto Socialista-Comunista latino-americano” [http://b-braga.blogspot.com.br/2013/08/notas-medicos-cubanos-pt-ditadura.html].

      


No comments: