Friday, August 30, 2013

Notas III. MÉDICOS CUBANOS - PT - Ditadura Castro - e o projeto Socialista-Comunista latino-americano.

Bruno Braga.


I.


MÉDICOS CUBANOS. O governo PETISTA-SOCIALISTA-COMUNISTA assinou o contrato com a OPAS – Organização Pan-Americana da Saúde – dois meses antes do lançamento oficial do programa “Mais médicos”. Este contrato viabilizou a “importação” dos médicos cubanos. A OPAS é a organização encarregada de receber e repassar à ditadura Castro o “investimento” brasileiro nos médicos.  

Em Julho, o governo federal anunciou ter desistido – depois de ser alvo de inúmeras críticas - do projeto de trazer médicos cubanos para o país. Mas, em Agosto, anuncia – inesperadamente – a contratação dos profissionais. Curioso que dias depois do anúncio os médicos já estavam desembarcando no Brasil. Como? Já estavam todos de prontidão? Com a documentação de viagem estabelecida? O contrato com a OPAS é mais uma prova da farsa promovida pelo governo PETISTA para transferir dinheiro à ditadura Castro e favorecer o projeto que têm em comum: o SOCIALISMO-COMUNISMO latino-americano.   

Folha de São Paulo, 29 de Agosto de 2013. “Convênio para importar cubanos foi feito antes do ‘Mais médicos’” [http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2013/08/1333677-convenio-para-importar-cubanos-foi-firmado-antes-do-mais-medicos.shtml].


Nota publicada no Facebook em 29 de Agosto de 2013.


II.




MÉDICOS CUBANOS. Um depoimento que merece ser levado em consideração. O de Alina Fernández, FILHA de Fidel Castro, que fugiu – sim, FUGIU – de Cuba em 1993. Sobre os sistemas cubanos de Saúde e de Educação ela observou:

“Graças a esses serviços, tua vida está, absolutamente, nas mãos do Estado. Se eu te proponho dar educação e saúde a teus filhos, com um seguro médico, mas tu tens que te tornar meu súdito, eu determinarei tua religião, O QUE VAIS ESTUDAR, AONDE VOU TE MANDAR COMO ATIVISTA INTERNACIONAL, qual uniforme vais usar, e o que tu vais comer, tu negociarias isso?”. Trecho da entrevista concedida ao jornal “El Diário de Hoy”, de El Salvador, 2004. Extraído do livro “Tragédia da Utopia”, p. 190, de Percival Puggina – um testemunho fundamental de quem esteve na ilha do “Comandante” Castro. 


Nota publicada no Facebook em 29 de Agosto de 2013.


III.



No último domingo, 25 de Agosto, a militância PETISTA-SOCIALISTA-COMUNISTA foi até o aeroporto de Fortaleza recepcionar os médicos que o governo brasileiro “importou” de Cuba. Entre outros lemas e palavras de ordem, ela esgoelou: “TE CUIDA, TE CUIDA, TE CUIDA IMPERIALISTA, A AMÉRICA LATINA VAI SER TODA SOCIALISTA!”.

Curiosamente, este foi o berro ouvido depois que Lula, no início do mês, declarou a abertura do XIX Encontro do Foro de São Paulo – da organização fundada por ele e por Fidel Castro para fomentar a revolução Socialista-Comunista na América Latina (Cf.  http://new.livestream.com/accounts/3231925/ForodeSP). No saguão do aeroporto de Fortaleza ecoou o grito da militância, mas também se realizou uma medida efetiva deste projeto de concentração de poder. A chegada dos médicos – ou agentes ou militantes revolucionários – foi celebrada: “TE CUIDA, TE CUIDA, TE CUIDA IMPERIALISTA, A AMÉRICA LATINA VAI SER TODA SOCIALISTA!”.     


Nota publicada no Facebook em 26 de Agosto de 2013.


ARTIGOS RECOMENDADOS.

BRAGA, Bruno. “Notas. MÉDICOS CUBANOS. PT – Ditadura Castro – e o projeto Socialista-Comunista latino-americano” [http://b-braga.blogspot.com.br/2013/08/notas-medicos-cubanos-pt-ditadura.html].
______. “Notas II. MÉDICOS CUBANOS. PT – Ditadura Castro – e o projeto Socialista-Comunista latino-americano” [http://b-braga.blogspot.com.br/2013/08/notas-ii-medicos-cubanos-pt-ditadura.html].


No comments: