Monday, February 10, 2014

"Médico petista" (SOCIALISTA-COMUNISTA).

Bruno Braga.
 
 
Um “médico petista” (SOCIALISTA-COMUNISTA) colabora – por sua condição, vínculo e independentemente de suas convicções pessoais – com o programa “Mais médicos”. Assim, depõe contra a sua nobre atividade. Concorda com uma aberração jurídica que corrompe o seu ofício, aprova a exploração do trabalho escravo (no caso dos “profissionais” cubanos) e avaliza um simulacro de atendimento à saúde que coloca em risco a VIDA da população.
 
O médico é um defensor – JURAMENTADO – da VIDA. O “médico petista” (SOCIALISTA-COMUNISTA) trabalha – por sua condição, vínculo e independentemente de suas convicções pessoais – para a CULTURA DA MORTE – para a legalização definitiva do ABORTO no país.
 
Por isso, a MEDICINA e o PETISMO-SOCIALISMO-COMUNISMO são incompatíveis e inconciliáveis. E um “médico petista” (SOCIALISTA-COMUNISTA) – quem o tolera e com ele é conivente – é, ou uma besta quadrada ou um cretino de fato. 

No comments: